EUA ganham prêmio de maior ameaça à privacidade

Um grupo britânico de defesa das liberdades civis elegeu o plano americano de tirar as impressões digitais de todos os estrangeiros que entram no país como a iniciativa mais ameaçadora do ano. O chamado projeto US-VISIT foi ?homenageado? com o principal dos Big Brother Awards, prêmios oferecidos pela organização Privacidade Internacional a indivíduos ou grupos ?que fizeram o máximo para invadir a privacidade pessoal na Grã-Bretanha?.O grupo disse ter decidido entregar o prêmio a uma iniciativa americana porque o plano, ?ofensivo e invasivo?, foi adotado ?com pouco ou nenhum debate?. A partir de setembro, a maioria dos estrangeiros terão as impressões digitais e fotografias tiradas antes de entrar nos EUA. O programa já está em vigor para os visitantes de países que requerem visto, e em 30 de setembro será expandido.Os Big Brother Awards - batizados em honra ao tirano do romance 1984, de George Orwell - são oferecidos anualmente em mais de uma dezena de países. O troféu consiste na estatueta de uma bota esmagando uma cabeça humana.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.