EUA invadem casa do líder da rebelião xiita; Allawi pede paz

Forças americanas invadiram a casa do líder xiita radical Muqtada al-Sadr, instigador de uma rebelião armada que se espalha pelo Iraque. Moradores da cidade sagrada de Najaf dizem que as tropas arrombaram a casa sem enfrentar resistência. Al-Sadr havia jurado lutar ?até que minha última gota de sangue tenha sido derramada?.Não se sabe onde o líder da revolta xiita se encontra. Em Bagdá, o primeiro-ministro do Iraque, Ayad Allawi, pediu que os xiitas radicais de Najaf deponham as armas e deixem o santuário do Imã Ali, onde estão refugiados. O santuário é um dos locais mais sagrados para a corrente xiita do islamismo. ?Tais lugares nunca antes foram expostos a tamanha violência?, diz a nota do premier, acrescentando que muitas pessoas inocentes foram vitimadas. ?Nosso governo pede que os grupos armados deponham suas armas e retornem à sociedade?, diz Allawi. ?Também pedimos que os homens armados deixem o santuário sagrado e não violem sua santidade?.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.