EUA lançam caçada a 7 supostos terroristas em novo alerta

Os Estados Unidos têm ?informações dignas de crédito de diversas fontes? de que a Al-Qaeda está disposta a lançar um ataque em solo americano nos próximos meses, disse o ministro da Justiça, John Ashcroft. Em uma entrevista coletiva, Ashcroft disse que as informações sugerem que o grupo terrorista está ?quase pronto? para desfechar o ataque. Sete suspeitos, segundo o ministro, são procurados e ?todos representam um perigo real e imediato para a América. Todos devem ser considerados armados e perigosos?.?Desconhecemos os detalhes do plano?, disse Ashcroft. O ministro disse que agentes da Al-Qaeda podem estar viajando com suas famílias, para atrair menos atenção, e que a rede terrorista vêm procurando recrutar pessoas que ?possam se passar por europeus?.Ele descreveu o ?agente ideal da Al-Qaeda? como um indivíduo no final da casa dos 20 ou início da dos 30. Para focalizar melhor o perigo, o FBI estabeleceu uma Força-Tarefa Ameaça 2004, e analistas da agência vêm revisando informações já coletadas em busca de pistas. O aviso não vem acompanhado de um aumento no grau de alerta americano, que continua no ponto intermediário da escala de cinco cores, o amarelo. Ashcroft disse que a retirada das tropas espanholas do Iraque podem levar a Al-Qaeda a tentar influenciar as eleições nos EUA.O aviso volta a atenção doméstica nos EUA ao combate ao terrorismo, um tema caro à campanha do presidente George W. Bush pela reeleição. O foco recente do noticiário nas dificuldades americanas no Iraque custaram pontos ao presidente nas pesquisas eleitorais.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.