EUA libertam 15 detidos de Guantánamo

Quinze afegãos que estavam sendo mantidos pelos EUA na prisão militar de Guantánamo, Cuba, retornaram ao Afeganistão, onde serão libertados, informaram fontes do Pentágono. Este é o terceiro grupo de prisioneiros afegãos repatriado desde a deposição do regime Taleban em novembro de 2001. Em Guantánamo permanecem 645 detidos, de 50 nacionalidades. Entretanto, a população carcerária de Guantánamo continuará crescendo, já que outros 30 detidos no Afeganistão chegarão nos próximos dias.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.