EUA libertam ex-presidente do Parlamento iraquiano

O ex-presidente do Parlamento iraquiano, Saadoun Hammadi, foi libertado depois de passar nove meses sob custódia dos Estados Unidos, disse a família. Hammadi, 74 anos, que constava da lista dos 55 integrantes mais procurados do antigo regime, foi libertado no sábado, afirmaram os parentes à tevê árabe Al-Jazira.Hammadi estudou nos Estados Unidos e propôs reformas econômicas liberalizantes depois da guerra de 1980 a 1988 contra o Irã, que foram bloqueadas pelo repentino colapso do preço do petróleo em 1990. Ele é filho de família rica e concluiu o doutorado em economia na Universidade de Wisconsin.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.