EUA monitora Iraque com drones desde o ano passado

Desde o último ano, aeronaves não-tripuladas dos EUA têm feito voos secretos de vigilância sobre o Iraque para coletar informações a respeito dos combatentes da Al-Qaeda, segundo autoridades norte-americanas.

AE, Agência Estado

12 de junho de 2014 | 18h29

O programa foi limitado em tamanho e provou pouca utilidade para as autoridades norte-americanas e iraquianas quando combatentes islâmicos moveram-se rapidamente esta semana para ocupar duas grandes cidades iraquianas, disseram os funcionários.

Antes mesmo da ofensiva islâmica, o programa foi ampliado com base nas crescentes preocupações dos EUA e do Iraque sobre a expansão das atividades dos combatentes ligados à Al-Qaeda.

As fontes não disseram que tipos de drones estavam sendo usados para este monitoramento, mas disse que os voos foram realizados apenas para fins de vigilância. Fonte: Dow Jones Newswires.

Mais conteúdo sobre:
EUAIraqueDrones

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.