EUA mostram ceticismo com retirada de tropas russas

A administração Obama esta cética em relação ao anúncio feito mais cedo pelo presidente da Rússia, Vladimir Putin, sobre a retirada de tropas russas estacionadas ao longo da fronteira com a Ucrânia e não viu nenhuma evidência de que isso esteja realmente sendo feito, disse hoje um alto funcionário do governo norte-americano.

Agência Estado

19 Maio 2014 | 12h09

O funcionário afirmou que os EUA vão acompanhar de perto a resposta à determinação de Putin.

"Eles já fizeram anúncios semelhantes antes", disse ele. "Queremos ver provas claras e firmes dessa iniciativa antes de fazermos qualquer avaliação", acrescentou.

Mais cedo, Putin ordenou soldados russos envolvidos em exercícios militares na fronteira com a Ucrânia a retornar para suas bases e a retirada imediata de tropas no leste ucraniano, segundo o Kremlin. Fonte: Dow Jones Newswires.

Mais conteúdo sobre:
EUA RÚSSIA TROPAS

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.