EUA oferecem ajuda ao Irã após tremores que mataram 227

Comunicado da Casa Branca foi dirigido ao 'povo iraniano' e não fez qualquer menção ao governo

Patrícia Braga, da Agência Estado,

12 de agosto de 2012 | 20h52

Os EUA ofereceram neste domingo ajuda ao Irã após os terremotos que atingiram o país deixarem ao menos 300 mortos e 1.380 feridos. "O povo americano envia às pessoas no Irã nosso mais profundo pesar pelas vidas perdidas no trágico acidente que aconteceu no país", segundo comunicado do porta-voz da Casa Branca, Jay Carney.

"Nossos pensamentos estão com as família que perderam pessoas e desejamos que a recuperação ocorra rápido. "Estamos prontos para oferecer ajuda nesse momento difícil", acrescentou o comunicado e Carney.

O comunicado foi dirigido ao "povo iraniano" e não fez qualquer menção ao governo do Irã. Os dois países não possuem relações diplomáticas e estão envolvidos em disputas tensas por décadas, a mais recente sobre o programa nuclear de Teerã. A informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
IrãterremotoEUAajuda

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.