EUA oferecem tirar Pyongyang da lista de apoiadores do terror

Os Estados Unidos ofereceram remover a Coréia do Norte da lista de Estados patrocinadores do terrorismo mantida por Washington, se o regime comunista desmantelar seu programa nuclear, disse o principal enviado da Coréia do Sul para tratar da questão nuclear norte-coreana.A proposta foi apenas um dos incentivos descritos pelos americanos durante uma reunião de seis nações com a Coréia do Norte, realizada na semana passada, juntamente com garantias de segurança, um tratado de paz e a normalização de relações, declarou Chun Yung-woo."A essência da proposta é que tudo é possível se a Coréia do Norte desnuclearizar-se, e nada será possível do contrário", disse Chun ao canal de televisão YTN.A Coréia do Norte não estava preparada para analisar a proposta durante a reunião, mas comprometeu-se em estudá-la e levar uma resposta à próxima rodada de negociações.Sair da lista de patrocinadores do terrorismo mantida pelos EUA é, há tempos, uma exigência norte-coreana. A medida efetivamente impede que o país obtenha empréstimos, a taxas baixas, de agências internacionais.A Coréia do Norte foi integrada à lista, pela primeira vez, em 1987, após a explosão de um avião de carreira sul-coreano, matando as 115 pessoas a bordo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.