EUA ordenam saída de diplomatas do Egito

O Departamento de Estado dos EUA ordenou a todos os diplomatas que atuam em funções não essenciais no Egito que deixem o país em meio a temores de potencial violência em reação à deposição do presidente Mohammed Morsi pelas Forças Armadas, ocorrida nesta quarta-feira, afirmaram fontes na chancelaria norte-americana. A ordem se estende aos familiares de todos os diplomatas lotados na Embaixada dos Estados Unidos no Cairo.

AE, Agência Estado

03 de julho de 2013 | 18h17

De acordo com a fonte, ainda não se sabe se será ordenada uma operação específica para a retirada ou se os diplomatas e os familiares terão de usar aviões e navios comerciais para deixar o Egito. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAEgitogolpediplomatasretirada

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.