EUA pedem à Coréia do Norte que esclareça seqüestros

O enviado especial norte-americano à Coréia do Norte, subsecretário de Estado, James Kelly, disse a autoridades japonesas neste domingo ter pedido a Pyongyang que esclareça os casos de cidadãos japoneses seqüestrados pela Coréia do Norte, informou o Ministério das Relações Exteriores do Japão. Primeiro enviado de alto nível dos EUA à Coréia do Norte em dois anos, Kelly reuniu-se hoje em Tóquio com autoridades japonesas após uma visita de três dias a Pyongyang.De acordo com um comunicado da chancelaria japonesa, o subsecretário norte-americano de Estado pediu a normalização das relações entre Japão e Coréia do Norte.Numa surpreendente admissão de culpa, o governo da Coréia do Norte admitiu no mês passado ter seqüestrado dezenas de jovens japoneses nas décadas de 70 e 80. O objetivo era obrigá-los a ensinar a cultura e o idioma japoneses a espiões norte-coreanos.Kelly chegou a Pyongyang na última quinta-feira. A visita foi encerrada ontem. Sua missão era averiguar se a Coréia do Norte está disposta a reduzir seu programa de armas e o deslocamento de forças convencionais, além de melhorar o respeito aos direitos humanos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.