EUA pedem desculpas à China por acidente aéreo

O embaixador dos Estados Unidos na China, Joseph Prueher, emitiu nesta quarta-feira um carta ao governo chinês indicando que Washington "lamenta muito? a colisão entre um avião espião norte-americano com um caça chinês. Diante do pedido de desculpas dos EUA, o ministro de Assuntos Exteriores da China, Tang Jiaxuan, declarou que seu país está disposto a colocar em liberdade os 24 membros da tripulação do avião espião americano, que no dia 1º fez uma aterrissagem de emergência na ilha de Hainan, sem autorização.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.