EUA pedem que 38 países congelem bens iraquianos

O secretário do Tesouro americano, John Smow, busca apoio internacional para descobrir e congelar ativos de ex-membros da ditadura iraquiana, e obter a transferência dos recursos para um fundo de reconstrução do país. O pedido de cooperação está formulado em carta enviada a ministros da área econômica de 38 países, que não foram identificados pelo porta-voz do Departamento do Tesouro que deu a notícia.O pedido inclui uma solicitação de busca e bloqueio dos recursos em nome das 55 ex-autoridades iraquianas que compõem a lista de procurados do Departamento de Defesa.Snow disse que os EUA investigam indivíduos e instituições, incluindo empresas de fachada, que podem ter agido em nome do regime deposto do Iraque. O Tesouro americano que os Estados Unidos já devolveram ao Iraque mais de US$ 681 milhões, de um total de US$ 1,7 bilhão congelado nos EUA.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.