EUA pedem que ONU autorize intervenção na Libéria

Os Estados Unidos pediram ao Conselho de Segurança da ONU que autorize o envio de uma força multinacional à Libéria, para ajudar na implementação de um cessar-fogo, e para que tropas da própria ONU venham a substituir essa força, em 1º de outubro. A proposta de resolução elaborada pelos EUA tem o objetivo claro de acelerar o envio de forças internacionais, e não menciona a participação de tropas americanas. O secretário-geral da ONU, Kofi Annan, pediu que as nações da África Ocidental anunciem imediatamente o envio de uma equipe de vanguarda ao território liberiano. A missão africana vem sendo adiada por, entre outros motivos, problemas de financiamento. A Nigéria se ofereceu para encabeçar a força e fornecer dois batalhões de suas tropas para o esforço, mas disse precisar de ajuda com os custos da operação. ?Os Estados Unidos ofereceram US$ 10 milhões, o que, obviamente, os nigerianos indicaram não ser o bastante?, disse Annan.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.