EUA perdoa dívida iraquiana de 4,1 bilhões de dólares

Os iraquianos receberam também a decisão dos Estados Unidos de cancelar dívida iraquiana de 4,1 bilhões de dólares. A medida, adotada conjuntamente pelos secretários de Estado, Colin Powell, e do Tesouro, John Snow, e o ministro das Finanças iraquiano, Adil Abd al-Mahdi, integra um entendimento entre os países membros do chamado Clube de Paris.Num encontro em maio na capital francesa, 19 credores concordaram em cancelar 80% - cerca de US$ 40 bilhões - devida a eles pelo antigo regime iraquiano. Quando Saddam foi deposto em 2003, a dívida iraquiana elevava-se a US$ 127 bilhões.Powell e Snow conclamaram os países que não integram o Clube de Paris a seguirem o exemplo - o que, seguindo eles, seria uma contribuição decisiva para a reconstrução do país.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.