EUA planejam transmitir noticiários para o Irã

Dando uma nova dimensão a seu apoio a ativistas pró-democracia no Irã, a Voz da América planeja produzir um programa diário de notícias de meia hora para ser transmitido à noite para o país. "Ao noticiar o que está ocorrendo hoje no Irã, podemos ajudar ainda mais na luta por liberdade e autodeterminação", avaliou Kenneth Y. Tomlinson, presidente do Broadcasting Board of Governors, que fiscaliza a maioria das transmissões do governo dos Estados Unidos para o exterior. O primeiro programa em língua persa "News and Views" (Notícias e Opiniões) será transmitido no domingo, das 21h30 às 22h. O programa está previsto para ficar no ar até 30 de setembro, ao custo de US$ 500 mil. Ele apresentará notícias do Irã e do mundo, análises e assuntos culturais. A Voz da América já produz dois programas de televisão: uma revista semanal de notícias e um de debate de 90 minutos. A agência governamental também é responsável por um serviço de rádio diário em persa e pela Radio Farda, que transmite 24 horas e é orientada para os jovens. O porta-voz do Departamento de Estado dos EUA, Richard Boucher, disse que a administração Bush não considera que as transmissões sejam uma interferência nos assuntos iranianos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.