EUA precisam de Europa forte, afirma Hillary Clinton

A secretária de Estado dos EUA, Hillary Clinton, afirmou que seu país precisa que a Europa "seja forte e opere com velocidade total novamente" para que a economia norte-americana se recupere da crise.

AE, Agência Estado

03 de junho de 2012 | 15h17

Em entrevista a jornalistas em Estocolmo, Hillary disse que os EUA apoiam a necessidade de mudanças entre os 17 países que compartilham o euro, destinadas a tornar a Europa mais competitiva e a lidar com questões que vários países não solucionaram. As informações são da Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
HillarycriseEuropa

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.