EUA pressionam Europa a condenar Hamas

O presidente americano, George W. Bush, fez um apelo para que os países-membros da União Européia coloquem o grupo palestino Hamas na ilegalidade e suspendam o financiamento ao movimento. Bush fez o apelo durante um encontro em Washington com o presidente da Comissão Européia, Romano Prodi, e o primeiro-ministro grego, Costas Simitis. A Grécia ocupa a presidência rotativa da União Européia.Segundo o correspondente da BBC em Washington, Justin Webb, Bush quer que os europeus abandonem a distinção feita entre os braços armado e político do Hamas. Estados Unidos e Grã-Bretanha dizem que as duas vertentes do grupo "são uma única organização terrorista".As informações são do site da BBC em português. Para ler o noticiário da BBC, que é parceira do estadao.com.br, clique aqui.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.