EUA: Primary dealers estão pessimistas sobre déficit

As grandes firmas financeiras que são obrigadas a participar diretamente dos leilões primários de títulos do Tesouro norte-americano estão decididamente mais pessimistas em relação ao déficit do Orçamento dos EUA do que os economistas do governo.

REGINA CARDEAL, Agência Estado

02 de novembro de 2011 | 13h33

Os primary dealers projetam déficit de US$ 951 bilhões para o ano fiscal de 2013 e de US$ 812 bilhões para o de 2014. Para comparar, O Escritório de Orçamento do Congresso (CBO, na sigla em ingles) prevê déficit de US$ 623 bilhões em 2013 e de US$ 380 bilhões em 2014, enquanto a Casa Branca estima déficits de US$ 833 bilhões e US$ 476 bilhões, respectivamente.

Os dados dos 22 primary dealers mostram que as instituições têm baixas expectativas em relação ao resultado do trabalho do Comitê Conjunto do Congresso para a Redução do Déficit. Os 12 membros do comitê bipartidário têm menos de um mês para chegar a um plano que corte pelo menos US$ 1,2 trilhão do déficit em uma década. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAdéficit orçamento

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.