EUA querem novo chefe para inspeções nucleares da ONU

Os Estados Unidos querem derrubar o chefe da agência de inspeções nucleares da ONU após o final de seu segundo mandato, em meados de 2005. Nenhuma crítica foi feita publicamente ao diplomata egípcio Mohamed ElBaradei, que comanda a Agência internacional de Energia Atômica (AIEA) desde 1997. Durante a campanha dos EUA para invadir o Iraque, ElBaradei insistiu que havia progressos nas inspeções de armas realizadas no país árabe, contrariando as pretensões do governo americano.O porta-voz do Departamento de Estado dos EUA, Richard Boucher, disse que o único motivo dos EUA para querer a remoção de ElBaradei é a praxe de manter chefes de organismos internacionais no cargo por, no máximo, dois mandatos. "Não há nada de dramático nisso", declarou.Ontem, o jornal The Washington Post noticiou que o governo americano grampeou diversas conversas telefônicas de ElBaradei, e que agora as gravações estão sendo analisadas em busca de munição contra o chefe da AIEA.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.