EUA querem que árabes perdoem a dívida do Iraque

O governo americano quer convencer países do Oriente Médio a perdoar bilhões de dólares em dívidas acumuladas pela ditadura de Saddam Hussein no Iraque. Depois de conseguir compromissos nesse sentido de nações da Europa e na Ásia, o ex-secretário de Estado James Baker iniciou uma viagem de quatro dias ao Catar, Emirados Árabes Unidos, Kuwait e Arábia Saudita.O Iraque deve cerca de US$ 40 bilhões ao conjunto de países credores que compõe o Clube de Paris, e mais US$ 80 bilhões a governos árabes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.