Brian Snyder/Reuters
Brian Snyder/Reuters

EUA registram quase 2,6 mil mortos por coronavírus em 24 horas

Novo recorde foi registrado pela Universidade Johns Hopkins, que faz a contagem oficial no país

Redação, O Estado de S.Paulo

15 de abril de 2020 | 21h41
Atualizado 16 de abril de 2020 | 19h34

NOVA YORK - Os Estados Unidos registraram nesta quarta-feira, 15, um novo recorde sombrio com quase 2,6 mil mortes ligadas ao novo coronavírus em 24 horas. Trata-se do pior balanço diário para um país em todo o mundo, segundo a contagem da Universidade Johns Hopkins. 

No total, morreram 2.569 pessoas de covid-19 entre as 20h30 de terça-feira, ho horário local, e o mesmo horário desta quarta, segundo números da Universidade.

As mortes pelo novo coronavírus nos EUA já chegam a 28.325, e 636.350 pessoas já foram infectadas pelo vírus.

Os números da universidade, considerada uma referência, foram divulgados após o presidente Donald Trump  afirmar anteriormente que "os dados sugerem que em todo o país passamos pelo pico de novos casos".

Nesta quinta-feira, Trump vai anunciar seus primeiros planos de redução das medidas de confinamento da população.  /AFP

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.