EUA rejeitam proposta brasileira na ONU

DIREITOS HUMANOS

, O Estado de S.Paulo

13 de setembro de 2010 | 00h00

O Departamento de Estado americano rejeitou ontem a proposta brasileira de usar preferencialmente canais diplomáticos confidenciais para pressionar os países violadores de direitos humanos nas Nações Unidas. A representação diplomática americana em Genebra disse que "o Conselho de Direitos Humanos da ONU não pode perder sua capacidade de identificar violações cometidas por governos e atuar para lidar com essas situações". Na avaliação do Departamento de Estado, um abuso de direitos humanos "deve ser condenado".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.