EUA relacionam aliado de Chávez ao tráfico

O Departamento do Tesouro americano incluiu ontem o general Cliver Alcalá, aliado do presidente venezuelano, Hugo Chávez, em uma lista de pessoas envolvidas com o narcotráfico e sujeitas a sanções. Além de Alcalá, foram incluídos na lista os parlamentares Freddy Bernal e Amílcar Figueroa. O quarto envolvido, segundo o departamento, é Ramón Madriz, oficial da inteligência venezuelana.

, O Estado de S.Paulo

09 Setembro 2011 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.