EUA resistem em ceder comando no Iraque para a ONU

O governo Bush acredita que pode atrair tropas da Índia, Paquistão e Turquia para o Iraque, caso a operação tenha apoio da ONU, mas uma alta autoridade americana disse que a hipótese de colocar a operação militar sob controle direto das Nações Unidas não está em consideração. Outros representantes do governo americano disseram, sob condição de anonimidade, que há quem acredite que a ONU é incapaz de comandar operações militares em solo iraquiano, e que as Nações Unidas enviariam tropas incompetentes ao país.Esboços de propostas de uma resolução do Conselho de Segurança da ONU, que poderia aumentar o poder das Nações Unidas no Iraque ou apenas legitimar o envio de tropas de outros países, mas sob comando dos EUA, continuam a circular, mas ainda não há consenso, e autoridades americanas alertam que uma resolução só será proposta formalmente se houver boa probabilidade de aprovação. França, Rússia e diversos outros países querem que as Nações Unidas tenham um papel mais efetivo, além de simplesmente sancionar uma força internacional. Rússia e França podem vetar qualquer proposta submetida ao Conselho. O presidente da França, Jacques Chirac, disse que os EUA devem transferir o poder político para os iraquianos imediatamente. Apenas a ONU, disse, ?está apta a oferecer legitimidade?.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.