EUA retêm ajuda militar ao Egito

O governo dos Estados Unidos paralisou os repasses de dinheiro no âmbito de sua assistência militar ao Egito. A afirmação foi feita nesta terça-feira por David Carle, assessor do senador norte-americano Patrick Leahy.

AE, Agência Estado

20 Agosto 2013 | 13h22

De acordo com ele, a comissão de dotação orçamentária do Senado dos EUA recebeu a informação de que a "transferência de ajuda militar foi paralisada".

Carle qualificou a decisão do governo como uma "ação momentânea, e não necessariamente uma (mudança de) política oficial". Ele observou que ainda não se sabe por quanto tempo o dinheiro ficará retido.

O governo norte-americano iniciou recentemente uma revisão da assistência militar ao Egito. A revisão foi motivada pelo golpe militar que em 3 de julho derrubou o presidente Mohammed Morsi.

Até agora, porém, nenhuma decisão formal foi tomada e a Casa Branca tem se esquivado de qualificar a deposição de Morsi como "golpe de Estado", pois isso a obrigaria a suspender a assistência militar até que um governo democrático seja instaurado.

A ajuda militar norte-americana ao Egito totaliza cerca de US$ 1,5 bilhão por ano. Jen Psaki, porta-voz do Departamento de Estado dos EUA, disse que Washington ainda não havia repassado US$ 585 milhões referentes ao ano de 2013. Fonte: Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
EUA Egito ajuda militar

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.