EUA se dizem prontos para crise humanitária no Iraque

O governo dos Estados Unidos assegurou que, em caso de guerra, estará pronto para atender a qualquer crise no Iraque, onde fontes da ONU temem que 11 milhões de pessoas se tornem vítimas da fome em caso de um conflito. Richard Greene, subsecretário de Estado para População e Refugiados, informa que a prioridade do governo será evitar os deslocamentos de população.O subsecretário acrescentou que o governo dos EUA deverá garantir que o programa da ONU ?petróleo por comida?, que cobre parte das necessidades alimentares dos iraquianos, continue a funcionar sem interrupções e que se reduza ao mínimo a destruição da infra-estrutura do país.Os EUA já desembolsaram cerca de US$ 100 milhões para financiar ONGs presentes nos postos de ajuda humanitária do Iraque, segundo fontes oficiais.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.