EUA suspendem proibição de vôos para a Líbia

Os Estados Unidos suspenderam a proibição de viagens para a Líbia e convidaram as empresas americanas a retornar ao país do norte da África, depois que o regime de Muamar Kadafi reconheceu sua responsabilidade no atentado contra um vôo da PanAm em 1988. O governo dos EUA também convidou a Líbia a abrir uma representação oficial em Washington, com uma ?seção de interesses?, estabelecimento diplomático abaixo de embaixada.O anúncio rescinde restrições impostas à Líbia há 23 anos. O Estado líbio era visto pelos EUA como patrocinador do terrorismo. A permissão dará às empresas americanas a oportunidade de negociar legalmente com a Líbia, país rico em petróleo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.