EUA temem atentados contra seus militares no Japão

Numa rara iniciativa, a Embaixada dos Estados Unidos em Tóquio divulgou uma advertência aos americanos vivendo no Japão para se precaverem contra possíveis ataques terroristas contra alvos militares dos EUA. "Recebemos informações não confirmadas dando conta que ações terroristas podem ser promovidas contra instalações militares dos EUA ou contra estabelecimentos frequentados pelo pessoal militar americano", afirmou a Embaixada num breve comunicado. O porta-voz da Embaixada, Patrick Linehan, não quis oferecer outros detalhes, como quem poderia estar por trás das ameaças terroristas. Mas ele disse que as informações são "confiáveis". Tais avisos contra terrorismo são incomuns no Japão. Linehan afirmou que só lembra de uma advertência mundial emitida pelo Departamento de Estado dos EUA no último Ano-Novo. Cerca de 120.000 americanos vivem no Japão, segundo números da Embaixada. Uns 48.000 são militares da ativa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.