EUA tentam retomar negociação no Oriente Médio

Mediadores americanos realizaram neste domingo negociações urgentes com Israel e autoridades palestinas na esperança de salvar as turbulentas conversas de paz no Oriente Médio. As negociações chegaram a impasse nos últimos dias em razão de desacordos sobre os temores da libertação de prisioneiros israelenses.

Agência Estado

30 de março de 2014 | 12h13

Os palestinos m que Israel está comprometido em libertar prisioneiros quando as negociações começaram em meados do ano passado. Israel afirma que os palestinos não estão negociando de boa fé e quer garantias de que se comprometerão em estender as negociações para além do prazo final em abril ante de liberar os prisioneiros.

As autoridades israelenses e palestinas afirmaram que estavam em contato com mediadores americanos, neste sábado, para tentar encontrar uma maneira de estender as negociações. O Secretário de Estado, John Kerry, que está em Paris, também estava planejando voltar à região. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
IsraelPalestinaNegociação

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.