EUA usam navio com hospital para casos graves no Haiti

Um navio dos Estados Unidos equipado com um hospital a bordo já está no Haiti, informaram hoje militares. Vítimas do terremoto em estado grave estão sendo levadas para a embarcação, explicaram as fontes.

AE, Agencia Estado

20 de janeiro de 2010 | 15h02

O coronel Richard Ellison disse que o USNS Comfort, um navio de 70 mil toneladas equipado com hospital, vai tratar entre 30 e 50 pacientes de cada vez. Os escolhidos para esse tratamento serão apontados por funcionários haitianos, entre os milhares que estão em hospitais e centros de socorro improvisados, após o terremoto de 7 graus na escala Richter que atingiu o país caribenho no dia 12.

"O navio agora está equipado para cirurgias imediatas para salvar vidas", disse Ellison no aeroporto de Porto Príncipe, um movimentado ponto de passagem do auxílio internacional e das equipes de resgate. Segundo o coronel, deve haver milhares de pacientes no país. "O número sobe cada vez que uma nova instalação é aberta."

"O ministro da Saúde haitiano me disse o que ele precisa. Se nós podemos dar algo a ele, é uma infraestrutura médica inteiramente nova", disse Ellison. "Nós não sabemos quanto ficaremos ali", afirmou, falando sobre o navio. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
HaititerremotoEUAnaviohospital

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.