Europa precisa de gastar mais com defesa, diz Otan

O secretário-geral da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) está pedindo que os países europeus invistam mais na defesa para lidar de forma mais adequada com as crises, como o conflito na Ucrânia, mas alguns governos permanecem resistentes.

AE, Agência Estado

15 Maio 2014 | 12h41

Anders Fogh Rasmussen disse aos participantes de uma conferência de segurança na Eslováquia nesta quinta-feira que os membros da Otan que não gastam o suficiente em defesa correm o risco de serem "aproveitadores".

Mais tarde, ele disse a repórteres que "é esperado que todo aliado desempenhe o seu papel na direção da contribuição para a nossa segurança comum". Rasmussen disse ainda que a situação da Ucrânia mostra "que nós temos de investir mais na defesa". Fonte: Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
Otan Europa Ucrânia

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.