Europeus chegam à Ucrânia, oposição cerca prédios públicos

O presidente da Ucrânia, Leonid Kuchma, está tendo um encontro com enviados europeus nesta sexta-feira enquanto milhares de pessoas, em protesto contra supostas fraudes na eleição ocorrida no domingo, cercam prédios públicos.De acordo com a agência de notícias Interfax, o líder da oposição, Viktor Yushchenko, será convidado para participar do encontro. Funcionários de Kuchma não confirmam que a reunião esteja ocorrendo.Entre os enviados europeus estão o presidente da Polônia, Aleksander Kwasniewski, e o chefe da União Européia para Política Internacional, Javier Solana. A visita à ex-república soviética é um esforço para convencer os dois candidatos à presidência a iniciar conversas.Yushchenko disse previamente que só negociaria com Kuchma caso ele reconhecesse que a eleição - vencida por Viktor Yanukovych, candidato apoiado pelo atual presidente - não foi válida.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.