Ex-assessor financeiro de Arafat é acusado de corrupção

Um ex-assessor financeiro do líder palestino Yasser Arafat, morto em 2004, está sendo procurado por ter supostamente desviado milhões de dólares em fundos públicos, informou nesta quarta-feira o chefe da comissão de combate à corrupção da Autoridade Nacional Palestina (ANP), Rafik Natche.

AE, Agência Estado

16 Maio 2012 | 11h27

Segundo Natche, Mohammed Rashid, que deixou os territórios palestinos após a morte de Arafat, teria transferido recursos do Fundo de Investimento Palestino e aberto empresas-fantasma.

Este é o caso mais relevante de corrupção a ser investigado na ANP desde a criação da comissão e de um tribunal especial pelo presidente palestino, Mahmoud Abbas.

As autoridades palestinas já solicitaram a vários países a extradição de Rashid, disse Natche, sem especificar em que países o acusado esteve. As informações são da Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
Palestina corrupção

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.