Ex-deputado acusado de correspondência erótica com jovens se interna em clínica de alcoolismo

O ex-deputado, sob investigação do FBI por supostamente mandar e-mails eróticos para adolescentes que trabalhavam no Congresso, está sob tratamento de alcoolismo em um centro de reabilitação, e se responsabiliza por seus atos, segundo afirmou seu advogado nesta segunda-feira. O advogado, David Roth, não especificou qual é o centro de reabilitação, mas disse à Associated Press que o republicano Mark Foley entrou no centro no final de semana. "Eu acredito fortemente que sou alcoólatra e aceitei que preciso de tratamento imediato para o alcoolismo e outros problemas de comportamento", disse Foley em declaração, lida por seu advogado. Foley, do partido Republicano, renunciou ao congresso abruptamente na sexta-feira após relatórios divulgarem que ele havia mandado mensagens eletrônicas com conteúdo sexual para adolescentes que trabalhavam no congresso como estagiários. Na declaração, Foley disse que "os eventos que levaram à minha renúncia cristalizaram o reconhecimento do meu alcoolismo e dificuldades emocionais de longa data". "Eu me arrependo profundamente e aceito toda a responsabilidade pelo mal que causei", disse Foley. Ele também expressou "gratidão pelas rezas e palavras de encorajamento a mim dirigidas".Investigações Enquanto isso, o FBI "está conduzindo uma avaliação para ver se houve alguma violação da lei federal", de acordo com o porta-voz Richard Kolko. Os acontecimentos colocaram os republicanos do congresso no modo de controle de danos, em razão de acusações de que outros líderes republicanos da casa poderiam saber há meses sobre a abordagem inapropriada dos jovens estagiários. Os democratas questionam se a liderança do partido Republicano tentou proteger as cadeiras da casa da eleição desde ano. Os republicanos correm o risco de perder o controle do congresso na eleição de sete de novembro.O democrata Dennis Hastert declarou nesta segunda-feira ter ficado "enraivecido e enojado com as ações do congressista Mark Foley. Hatstert, em carta enviada na segunda-feira ao promotor-geral Alberto Gonzales, pediu ao departamento de justiça para "conduzir uma investigação sobre a conduta de Foley com os atuais e ex-funcionários". Os democratas querem que os investigadores determinem quando os líderes republicanos tentaram encobertar as ações de Foley por razões políticas. O distrito de Foley (Flórida) é, em sua maioria, republicano, mas agora um democrata pode vencer. Os republicanos lutam para manter a maioria no congresso nas próximas eleições. Os líderes republicanos da Flórida realizaram reunião nesta segunda-feira para tentar escolher um candidato para substituir Foley nas próximas eleições. Experts em informática do FBI estão analisando o texto de algumas das mensagens de Foley, conferindo quantos e-mails e mensagens instantâneas foram enviadas e quantos computadores foram usados.O FBI também tenta determinar se algum jovem entre os que receberam mensagens estaria interessado em cooperar com a investigação, segundo membro do FBI em condição de anonimato por ser uma investigação em andamento. Ironicamente, Foley, um solteiro de 52 anos, pode ter violado a lei que ele ajudou a escrever quando membro de comissão sobre crianças exploradas e desaparecidas. Os estagiários do congresso são jovens em idade escolar que, desde os anos 1820, trabalham como mensageiros do congresso e do senado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.