Ex-ditador uruguaio Bordaberry morre aos 83 anos

O filho de Juan Maria Bordaberry informou neste domingo que o ex-ditador uruguaio morreu aos 83 anos. O senador Pedro Bordaberry explicou que seu pai faleceu em casa, onde cumpria uma sentença de 30 anos por assassinatos e desaparecimentos durante a guerra do Uruguai contra os esquerdistas.

AE, Agência Estado

17 de julho de 2011 | 10h36

Eleito em 1971, Bordaberry era um rico proprietário de terras conservador que rompeu com a democracia ao realizar um golpe em 27 de junho de 1973 com o apoio do Exército. Ele suspendeu a Constituição, proibiu partidos políticos, ordenou que tanques cercassem o Congresso. Ele governou por três anos através de decreto até que foi derrubado em 1976 por generais que acabaram liderando uma ditadura de direita até 1985. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Uruguaiditadormorte

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.