Ex-governador conselheiro de Karzai é morto em atentado em Cabul

O ex-governador da Província de Uruzgan Jan Mohammad Khan, aliado e conselheiro do presidente do Afeganistão, Hamid Karzai, foi morto ontem em Cabul, em um ataque realizado perto do Parlamento.

, O Estado de S.Paulo

18 de julho de 2011 | 00h00

O atentado ocorreu menos de uma semana depois do meio-irmão do presidente, Ahmed Wali Karzai, ter sido assassinado na Província de Kandahar, berço do Taleban. "Ele (Khan) era muito próximo ao presidente. Era tão importante quanto Ahmed Wali Karzai", disse uma fonte do governo. Como Karzai, Khan veio de uma família poderosa da tribo Popalzai, do sul do país. A morte dele deve inflamar ainda mais o volátil sul do país, onde os taleban lutam contra tropas lideradas pelos EUA pelo controle local.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.