Ex-membro da Marinha dos EUA é acusado de terrorismo

Um ex-mebro da Marinha americana foi detido na quarta-feira, 7, acusado de terrorismo e espionagem por entregarinformação secreta a uma organização suspeita de promover aviolência, informou a rede de televisão CNN.A emissora acrescentou que Hassan Abujihaad foi detido no Arizona após a denúncia de que ele forneceu informação sobre a posição de navios da Marinha que navegavam rumo ao Golfo Pérsico, em 2001, a um grupo identificado como Azzam Publications, com sede em Londres.Outros dois membros do grupo, identificados como Babar Ahmad e Syed Talha Ahson, que vivem no Reino Unido, também foram acusados de terrorismo pelas autoridades americanas, que pediram a sua extradição, segundo a CNN.Segundo uma declaração do Departamento de Defesa citada pela rede de televisão, a polícia britânica revistou a casa de Ahmad em Londres e encontrou um disquete com informação secreta sobre a Marinha dos EUA que teria sido entregue por Abujihaad.A informação detalhava a posição das naves americanas e analisava a possibilidade de um ataque. Segundo fontes do Departamento de Defesa, Abujihaad tinha acesso a esse material.A rede de televisão informou que e-mails entre o ex-marinheiro e a organização incluíam discussões sobre vídeos que Abujihhad tinha pedido, promovendo a guerra santa, e doações de dinheiro.Abujihaad recebeu baixa da Marinha em janeiro de 2002, antes de serem revelados detalhes de suas atividades, disseram fontes oficiais citadas pela CNN.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.