Ex-oficiais da CIA acusam Bush de esconder informações sobre Iraque

Um pequeno grupo composto em sua maioria por funcionários da CIA (Agência Central de Inteligência) aposentados está exortando seus colegas que trabalham na agência a divulgar evidências de que o governo Bush se está aproveitando da inteligência para sustentar suas alegações para uma guerra contra o Iraque.Membros do grupo dizem que o governo Bush divulgou apenas as informações sobre o Iraque que atendam seus objetivos e ignorou ou escondeu relatórios contrários. Eles estão pedindo aos colegas que divulguem essas informações contrárias.Eles dizem que as evidências divulgadas pelo governo sobre a imediata ameaça do Iraque aos EUA e sua suposta ligação com a Al-Qaeda não são convincentes e acusaram os estrategistas pró-guerra de divulgarem algumas informações que não se enquadram nos parâmetros profissionais de provas do serviço de inteligência.Um porta-voz da CIA sugeriu que os membros do grupo não estão aptos para descrever a qualidade das informações entregues aos estrategistas, pois alguns deles deixaram a agência há muitos anos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.