Ex-premiê alemão culpa Geórgia por ter iniciado guerra

O ex-premiê da Alemanha, Gerard Schroeder, culpou hoje a Geórgia por ter iniciado a guerra contra a Rússia no mês passado e criticou a política do Ocidente em relação a Moscou. A presença crescente dos países ocidentais no Cáucaso fez a Rússia se sentir vulnerável e aprofundou as diferenças na relação com Moscou, disse Schroeder em coletiva na capital do Casaquistão. "Essa política, para os russos, parece um cerco ocidental", disse. "Estamos em uma espiral de confronto (com a Rússia) que precisa ser detida o mais rápido possível", afirmou o ex-chanceler alemão. Segundo ele, a parceria entre a Rússia e a União Européia é "mais necessária do que nunca". A guerra começou quando as tropas georgianas desfecharam um ataque, em 7 de agosto, para recuperar a sua província separatista da Ossétia do Sul. A Rússia enviou tropas que rechaçaram o ataque e em seguida invadiram a Geórgia, desmantelando seu exército. Schroeder conversou com a imprensa durante uma conferência sobre investimentos na capital do Casaquistão, Almaty.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.