Ex-premiês Bhutto e Sharif se registram para pleito no Paquistão

Os ex-premiês paquistanesesBenazir Bhutto e Nawaz Sharif inscreveram-se na segunda-feirapara concorrer às eleições de janeiro, enquanto umrepresentante do presidente Pervez Musharraf afirmou que elevai tomar posse do cargo como civil na quinta-feira. Tanto Sharif quanto Bhutto, porém, afirmaram que podemboicotar as eleições gerais de 8 de janeiro, que está sendoorganizada sob um estado de emergência imposto por Musharraf nodia 3 de novembro, principalmente para barrar osquestionamentos legais sobre um novo mandato para ele. Sharif, duas vezes primeiro-ministro e que foi derrubadopor Musharraf há oito anos, disse no domingo que o presidentelevou o Paquistão à beira do desastre, e que se reserva odireito de boicotar as eleições. "Não queremos boicotar o pleito, mas, quando se fica contraa parede, que opções restam? O boicote permanece sendo umaopção muito potente para a oposição", disse Sharif numaentrevista coletiva. Musharraf conseguiu seu segundo mandato de cinco anosgraças a um novo painel de juízes instituídos por ele e quevalidaram sua vitória nas eleições de 6 de outubro. Ele vai deixar o cargo de comandante do Exército e tomarposse do cargo de presidente como civil na quinta-feira, disseum porta-voz. (Por Kamran Haider)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.