Toru Yamanaka/AFP
Toru Yamanaka/AFP

Ex-primeiro-ministro japonês Yasuhiro Nakasone morre aos 101 anos

Premiê foi nome importante da política pós-Segunda Guerra Mundial e aliado dos Estados Unidos

Redação, O Estado de S.Paulo

29 de novembro de 2019 | 01h56

O ex-primeiro ministro japonês Yasuhiro Nakasone, nome importante da política pós-Segunda Guerra Mundial do país asiático, morreu nesta sexta-feira, 29, aos 101 anos de idade. O escritório de seu filho, Hirofumi Nakasone, afirmou que a morte aconteceu em um hospital de Tóquio, onde o ex-premiê havia se tratado recentemente. 

Durante seu mandato como primeiro-ministro do Japão, que durou de 1982 a 1987,  Nakasone foi um aliado fiel dos Estados Unidos e ficou conhecido por suas calorosas relações com o então presidente Ronald Reagan. Nakasone aumentou os gastos com defesa, tentou revisar a constituição pacifista do Japão e é lembrado por seus apelos ao patriotismo, que atraíam críticas.

Oficial naval da Segunda Guerra Mundial, Nakasone testemunhou a profundidade da derrota e devastação do Japão. Quatro décadas depois, ele presidiu o país no auge de seu sucesso econômico. Após deixar o cargo, o ex-premiê se tornou um dos principais estadistas do Japão. /AP

Tudo o que sabemos sobre:
Japão [Ásia]

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.