Ex-secretário de Bush anuncia campanha à Presidência

O ex-governador do Estado americano de Wisconsin e ex-secretário de Saúde dos Estados Unidos Tommy Thompson anunciou neste domingo, 2, que concorrerá às primárias presidenciais do Partido Republicano.Ao anunciar a candidatura, o secretário de Saúde americano no primeiro mandato de George W. Bush se classificou como "um conservador confiável".Thompson, de 65 anos, disse que adotaria uma estratégia totalmente diferente da de Bush com relação ao Iraque e afirmou que exigiria do Parlamento iraquiano uma votação sobre a permanência ou não dos soldados americanos no país.Segundo ele, um eventual respaldo daria legitimidade à missão americana. Em caso de rejeição, Thompson afirmou que os soldados americanos seriam retirados do Iraque.Enquanto isso, a pré-candidata democrata Hillary Clinton anunciou ter batido os recordes de arrecadação ao levantar US$ 26 milhões para sua campanha presidencial e ao repassar US$ 10 milhões dos fundos arrecadados para sua vitoriosa campanha para o Senado.A quantia levantada nos primeiros três meses deste ano bate de longe os recordes anteriores e estabelece uma marca alta de arrecadação para seus principais rivais.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.