Ex-tesoureiro do partido do governo será interrogado na Espanha

Ex-tesoureiro do partido do governo será interrogado na Espanha

Primeiro-ministro está sob pressão em razão das denúncias de corrupção no PP

AE, Agência Estado

15 de julho de 2013 | 07h05

MADRI - O ex-tesoureiro do partido governista da Espanha, Luis Bárcenas, será interrogado em um tribunal nesta segunda-feira, 15, um dia depois que um jornal publicou supostas mensagens de texto trocadas entre ele e o primeiro-ministro Mariano Rajoy.

O juiz Pablo Ruz interrogará o ex-tesoureiro do Partido Popular (PP) sobre declarações feitas ao jornal El Mundo na semana passada de que o partido fora financiado ilegalmente por muito tempo.

No domingo, o jornal publicou o que seriam mensagens de texto trocadas nos últimos meses entre Rajoy e Bárcenas, em meio a intensificação das investigações. Bárcenas está no centro de uma investigação sobre acusações de lavagem de dinheiro, o que inclui pagamentos a pessoas importantes do PP.

O chefe do governo, que nega as acusações, possivelmente terá de enfrentar perguntas em uma coletiva de imprensa também nesta segunda-feira. No domingo, líderes da oposição espanhola exigiram a renúncia de Rajoy./ AP

Tudo o que sabemos sobre:
EspanhaLuis Bárcenas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.