Ex-vice-presidente do Iraque é capturado em Mosul

O ex-vice-presidente do Iraque, Taha Yassin Ramadan, foi capturado pelas forças curdas em Mosul, informou a BBC, citando fontes curdas em Londres. Ramadan era o nº 20 na lista dos EUA de procurados iraquianos. Segundo Diane Perry, porta-voz do Pentágono, Ramadan foi entregue às forças norte-americanas. Além de vice-presidente, Ramadan pertencia ao Conselho do Comando Revolucionário. Ele era considerado tão cruel quanto Saddam Hussein. Ramadan comandou em 1970 uma corte que executou 44 oficiais que rebelaram-se contra o regime. As informações são da agência Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.