Executivo inglês oferece US$ 1 milhão por mulher casada

Um executivo de Londres ofereceu a um homem um milhão de dólares em troca da mulher, uma proposta que foi parar num tribunal de Londres, onde o casal apresentou queixa.Brian Maccaba, diretor de uma empresa informática, apaixonou-se de tal forma por Nathalie Attar, professora num colégio judaico do norte de Londres, que ofereceu ao seu marido, Alan, um milhão de dólares para poder viver com ela o resto da sua vida.O apaixonado milionário escreveu uma carta ao casal que pormenorizava a sua oferta: "Para que ela seja livre, ofereço-lhe um milhão de dólares em dinheiro, livres de impostos".Maccaba não será Robert Redford e Nathalie não será Demi Moore, ator e atriz de "Proposta Indecente" (1993), mas o gesto do empresário londrino parece apropriar-se do argumento do filme, exceto pelo fato de que não se trata de comprar apenas uma noite de sexo, como no filme, mas toda uma vida de amor.A proposta de Maccaba foi rejeitada, e a sua carta está hoje num tribunal de Londres, onde o casal apresentou contra ele uma queixa por difamação.

Agencia Estado,

04 de maio de 2003 | 17h03

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.