Exército americano mata 12 insurgentes no Iraque

A mira foi uma plataforma de lançamento de foguetes

EFE

29 de março de 2008 | 05h30

As forças americanas anunciaram neste sábado que uma equipe armada localizou e destruiu nesta sexta-feira uma plataforma de lançamento de foguetes e matou doze supostos terroristas. Em comunicado, o Exército dos Estados Unidos informou que a equipe observou várias pessoas desmontando um aparelho para lançar mísseis em um local do leste de Bagdá. Os americanos afirmam que uma vez que os supostos insurgentes deixaram o local, a unidade destruiu o ponto de ataque, perseguiu os "terroristas" e destruiu um veículo no qual viajavam e que também estava carregado de mísseis. Além disso, as tropas mataram dois homens armados que atacaram com lança-granadas e armas leves uma patrulha americana no leste de Bagdá. A anota assegura que os soldados americanos mataram outros dez supostos insurgentes durante um assalto contra um posto de segurança. O comando militar americano costuma utilizar o termo terrorista par se referir a qualquer pessoa armada, sem diferenciar se pertence à Al Qaeda ou a algum grupo vinculado a esta organização, à resistência sunita ou às milícias xiitas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.