Exército aponta ex-premiê para formar novo governo no Egito--TV

O conselho militar do Egito pediu ao ex-primeiro-ministro Kamal Ganzouri que forme um novo governo nesta quinta-feira, depois que manifestantes exigiram que o Exército dissolvesse o gabinete anterior, informou a rede de TV Al Jazeera, citando fontes não reveladas.

REUTERS

24 de novembro de 2011 | 17h44

Ganzouri liderou o gabinete, de 1996 a 1999, que introduziu algumas medidas de liberalização econômica. Muitos egípcios o viam como uma autoridade não contaminada pela corrupção, mas o seu mandato sob o líder deposto Hosni Mubarak pode gerar oposição daqueles que exigem uma ruptura com o passado.

A TV estatal afirmou que o conselho militar havia se reunido com Ganzouri mais cedo nesta quinta-feira. O general Mokhtar al-Mullah afirmou em entrevista coletiva que o Exército esperava formar um novo governo antes das eleições parlamentares de segunda-feira.

Ganzouri confirmou que concordou em princípio em liderar um governo de salvação nacional, segundo o jornal estatal Al Ahram.

(Por Edmund Blair)

Tudo o que sabemos sobre:
EGITOPREMIENOVOGOVERNO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.