Exército cingalês destrói 11 bunkers da guerrilha tâmil

Dezessete rebeldes morreram este fim de semana em combates com o Exército

EFE

25 de maio de 2008 | 04h49

O Exército cingalês assegurou neste domingo de ter destruído 11 bunkers da guerrilha tâmil em um ataque "em massa" no norte do Sri Lanka, segundo um comunicado do Ministério da Defesa que não especificou o número de vítimas. A ofensiva aconteceu sábado no distrito de Jaffna, no extremo setentrional da ilha. Além disso, as tropas cingalesas dispararam em Jaffna contra vários navios da guerrilha dos Tigres de Libertação da Pátria Tâmil (LTTE), que ficaram seriamente danificados, acrescentou o comunicado. Dezessete rebeldes morreram este fim de semana em combates com o Exército em diferentes pontos do norte do Sri Lanka, segundo vária notas do Ministério da Defesa. As tropas cingalesas estão tentando encurralar os "Tigres" tâmeis em seus enclaves no norte e no leste da ilha. O comando militar do Sri Lanka informa diariamente dos baixas causadas ao inimigo, mas as parts carecem de confirmação independente.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.