Exército colombiano destrói 96 laboratórios de coca

O Exército colombiano destruiu 96 laboratórios utilizados para o processamento de cocaína pertencentes à guerrilha Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc). O comandante do Exército, general Carlos Ospina disse à imprensa que a operação foi realizada no departamento (Estado) de Arauca, no noroeste do país, na fronteira com a Venezuela.De acordo com o general, a primeira das três fases da operação foi iniciada no último dia 11, com a coleta de informações, e finalizada neste sábado. Pelo menos 18 insurgentes foram capturados. Cálculos do Exército estimam que a produção de cocaína chegava a 5,5 toneladas por semana nos laboratórios destruídos.Da operação, denominada Lua Vermelha, participaram três brigadas do Exército. Segundo Ospina, foram destruídos também nove carros que estavam carregados com explosivos. Os veículos, de acordo com o general, seriam usados em ataques contra a população civil.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.